A ineficiência da medida protetiva para a mulher

João Paulo Martins Silva Nascimento, Jucemar da Silva Moraes

Resumo


O presente artigo busca esclarecer os mais variados t tipos de violência doméstica contra a mulher que podem ocorrer no lar sendo a violências, física, moral , patrimonial, psicológicas, sexual , o que fundamenta o agressor a usar da violência contra a mulher e os efeitos que a violência causa em crianças que convivem com a violência domestica no cotidiano, e as medidas estabelecida na lei 11340/06 Lei Maria da Penha
Relatar do machismo social na historia da humanidade e o desdobramento dos principio constitucionais e suas conquistas através do tempo, destacando seu crescente ingresso no mercado de trabalho a partir da Segunda Guerra Mundial.
Como forma de prevenção e punição contra a violência doméstica, foi criada a Lei nº 11.340/06 intitulada Lei Maria da Penha que busca a criação de delegacias da mulher implantação de centro de acolhimento de vítimas de violência doméstica e acompanhamento psicológico para os agressores para combater a ideologia da violência de gênero.

O tema escolhido ainda é motivo de polêmica nos dias atuais, pois no presente ano a lei 11.340/06 completa 10 anos de vigor apesar de suas mudanças com o passar dos anos encontramos com a violência doméstica em alta nas delegacia todos os dia centenas de mulheres são agredidas e denunciam seus agressores que permanecem livres e sem punição

Palavras-chave


ineficiência;impunidade; violência, física; psicologia; moral; patrimonial;

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.