DESENVOLVIMENTO DA CANA-DE-AÇÚCAR EM DIFERENTES TIPOS DE PLANTIO

Rafael Victorasso Branco, LÍVIA Cordaro Galdiano

Resumo


O objetivo do trabalho foi avaliar os diferentes tipos de plantio (MPB e convencional) de cana-de-açúcar. O experimento foi realizado em Guapiaçu, SP. O solo predominante é o arenoso. A variedade de cana-de-açúcar utilizada foi a RB96-5902. Foram realizados dois tratamentos, sendo T1 (Mudas pré-brotadas) e T2 (convencional). O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso com 2 tratamentos e 6 repetições, totalizando 12 parcelas, com 6 linhas de 5 metros. As avaliações foram realizadas a cada 45 dias após o plantio, avaliando: número de perfilhos por metro, altura e diâmetro do colmo. Nas análises estatísticas empregou-se o teste de Tukey a 5% de probabilidade, analisadas através do programa ESTAT. De acordo com os resultados obtidos nesse experimento pode-se concluir que o plantio com MPB (mudas pré-brotadas) não se diferencia entre os parâmetros biométricos de altura e diâmetro do colmo das plantas oriundas do plantio convencional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.