DESEMPENHO DE GENÓTIPOS DE ALGODÃO EM RELAÇÃO À INCIDÊNCIA NATURAL DE PATÓGENOS EM CAMPINAS - SP

Gilson Barbosa Bárbaro

Resumo


Na safra 2012/2013 foram avaliados dezoito genótipos de algodoeiro em Campinas - SP, para o estudo das doenças (Mancha-angular e Murcha de Verticillium) e para Nematoides (Meloidogyne incognita e Rotylenchulus reniformis). As avaliações foram feitas atribuindo-se notas, em escala variando de 1 a 5, crescente com a intensidade dos sintomas, também foi determinada a produção de algodão nas respectivas parcelas experimentais e calculada para cada doença o Índice de Resistência de cada genótipo. O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso, com cinco repetições. Houve diferenças quanto ao comportamento dos genótipos em face a incidência de Nematoides e Mancha de Angular e para Nematoides observou-se interferência na produção.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/1982.2278.1248