DESENVOLVIMENTO E PRODUÇÃO DE SOJA CO-INOCULADA COM AZOSPIRILLUM BRASILENSE EM SEMEADURA DIRETA SOBRE PALHIÇO DE CANA CRUA

Everton Luis Finoto, Paulo Sérgio Cordeiro Júnior, Ivana Marino Bárbaro-Torneli, Monica Helena Martins, Maria Beatriz Bernardes Soares, Antônio Lucio Mello Martins

Resumo


A co-inoculação é uma tecnologia inovadora, atual e em sintonia com o contexto de sustentabilidade ambiental. Sendo assim, objetivou-se neste trabalho avaliar o desenvolvimento da cultura da soja, em semeadura direta sobre palhiço de cana crua submetida à co-inoculação das sementes com Azopirillum brasilense e doses variadas de inoculante a base de bactérias do gênero Bradyrhizobium, bem como, quantificar a produtividade neste sistema alternativo e sustentável de cultivo. O experimento foi instalado na safra 2015/16, em talhão com cinco cortes, pertencente ao Polo Regional Centro Norte, Pindorama, SP, sendo o mesmo conduzido em faixas/parcelas, conhecidas tecnicamente como “Strip Test’, de aproximadamente 280 metros de comprimento e 3,60 metros de largura e espaçamento entre linhas de 0,45 m. A cultivar testada foi a NS 7667 IPRO, em dez tratamentos: controle; 120 mL/60 kg de sementes de inoculante com Azospirillum brasilense estirpe Ab-V5 (A); 25 mL/60 kg de sementes de inoculante com Bradyrhizobium japonicum estirpes SEMIA 5079 + SEMIA 5080 (B); 25 mL de B+ 120 mL de A; 50 mL de B; 50 mL de B + 120 mL de A; 75 mL de B; 75 mL de B + 120 mL de A; 100 mL de B e 125mL de B. Avaliou-se em cada Strip Teste alguns parâmetros através da coleta de 10 plantas em 5 repetições no estádio fenológico R2, sendo: número de nódulos viáveis e não viáveis por planta, massa fresca de nódulos totais, comprimento da raiz principal, massa fresca do sistema radicular e da parte aérea. Em R8, determinou-se altura de planta, de inserção da 1ª vagem e produtividade de grãos. Pelos resultados obtidos verificou-se que o tratamento que envolveu a co-inoculação (75 mL de B + 120 mL de A) foi equivalente aos tratamentos em que se fez uso das maiores doses, 3 vezes ou mais, de inoculante contendo somente Bradyrhizobium para os parâmetros de fixação biológica de nitrogênio, altura de plantas e produtividade de grãos.

Palavras-chave


Fixação biológica de nitrogênio. Fito-hormônios. Semeadura direta. Reforma de canavial. Glycine max.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.3738/1982.2278.2815