ENRAIZAMENTO IN VITRO DE GENÓTIPOS DE GÉRBERA EM MEIO DE CULTURA ALTERNATIVO

Tarcisio Rangel do Couto, João Sebastião de Paula Araujo, Michele Cagnin Vicente, Leandro Miranda de Almeida

Resumo


O trabalho objetivou otimizar a micropropagação de genótipos de gérbera promovendo o enraizamento in vitro em meio de cultura alternativo. Foram utilizados os genótipos ‘Pacific’, ‘Igor’, ‘Igloo’, ‘Mephisto’, GA, GL e GR. Foi montado o experimento em delineamento inteiramente casualizado em fatorial 7x2, sendo sete genótipos de gérbera e dois tipos de meio de cultura: MS e B&G® Orquídeas. Cada tratamento teve 10 repetições e a unidade experimental foi representada por um frasco com 50 mL de meio de cultura e 10 brotações. Foi utilizado o meio MS (Phytotecnology Laboratories®), contendo 30 g.L-1 de sacarose e adição de ágar (7,5 g.L-1). O meio B&G® Orquídeas suprimento é um meio de cultura pronto para uso que contém sacarose e carvão ativado na sua composição. Para esse meio foi usando 8,0 g.L-1 de ágar. Após 30 dias de enraizamento in vitro foram avaliados a sobrevivência, número de folhas, número de brotações, número de raízes e massa da matéria fresca das mudas. Em geral, foi observado nos genótipos, oriundos de meio de cultura B&G®, as melhores repostas para as variáveis analisadas. O meio B&G® Orquídeas foi eficiente para promover o enraizamento in vitro de todos os genótipos de gérbera.

Palavras-chave


Crescimento; Cultivar; Gerbera jamesonii Bolus Ex. Hook; Micropropagação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/1982.2278.3744