O PRECONCEITO LINGUÍSTICO EM HISTÓRIA DE TIA NASTÁCIA

Silvânia Aparecida de Menezes Marcon, Valdeir Borges

Resumo


Este trabalho tem por objetivo apresentar uma análise do preconceito lingüístico na obra Histórias de Tia Nastácia de Monteiro Lobato, fundamentando-se nos estudos da sociolingüística. A partir dos mitos lingüísticos, responsáveis pela exclusão social, percebemos o choque entre a cultura branca, principalmente quanto ao uso da língua

Palavras-chave


Preconceito lingüístico. Monteiro Lobato. Sociolingüística. Mitos. Tia Nastácia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/nucleus.v3i2.446