INCIDÊNCIA DE DIARREIA EM LEITÕES DE CRECHE COM O USO DE BACSOL 200PPM COMO SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR

Camila Nogueira, Aline Gomes de Campos

Resumo


Este trabalho avaliou o índice de diarreia em leitões na creche do 21º ao 51º dia. Foram acompanhados dois grupos de 20 animais, cruzamento de Landrace x Large White, de ambos os sexos, sendo um grupo tratado com ração Suicon 20 + 0,2 kg do pro biótico Bacsol em 1000 kg de ração e um grupo controle somente com ração Suicon 20, ambos com agua ad libitum, na granja da Faculdade Doutor Francisco Maeda em Ituverava-SP. Na primeira estratificação foram selecionados 15 animais de uma ninhada para grupo tratado e 15 animais de outra ninhada para grupo controle. Na segunda estratificação foram utilizados 10 leitões de uma mesma ninhada sendo 5 deles para grupo tratado e 5 para grupo controle, as fezes foram observadas a cada 2 dias sendo classificadas em liquida, pastosa e normal. Ao final do experimento os resultados mostraram que o BACSOL não teve um resultado satisfatório.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.