OCORRÊNCIA DE ANIMAIS TROMBOCITOPÊNICOS E FREQUÊNCIA DE ASSOCIAÇÃO COM ERLIQUIOSE EM CÃES E GATOS ATENDIDOS EM UMA CLÍNICA VETERINÁRIA NA CIDADE DE ITUVERAVA-SP

Gabriel Chereguini Oliveira, Leticia Gabrielle Martins Dias Silva, Inngrid Pereira Gouveia Silva, Marly Cristina Pinto Wanderley

Resumo


Trombocitopenia consiste na diminuição do número de plaquetas no sangue, caracteriza-se como um distúrbio de alta relevância clínica, pois pode levar os animais acometidos a quadros hemorrágicos. O presente trabalho verificou a frequência de trombocitopenia em cães e gatos atendidos em uma clínica veterinária localizada no município de Ituverava-SP, entre julho e dezembro de 2016, correlacionando a mesma com a ocorrência de erliquiose. Nesse período foram realizados 432 hemogramas sendo encontrados 108 (25%) animais trombocitopênicos. Entre estes, 67 apresentavam erliquiose, sendo essa infecção considerada a causa mais frequente (62%) da diminuição do número de plaquetas. A trombocitopenia decorrente das demais causas representaram 38%, ocorrendo em 41 dos 108 animais trombocitopênicos. Portanto, conclui-se que a erliquiose é uma das afecções que mais contribuíram para a ocorrência de trombocitopenia, porém evidencia que não é a única causa determinante, e que outras afecções devem ser consideradas diante um hemograma que revele trombocitopenia.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.