Botulismo em dois cães: Relato de caso

Laís Rocha Vilela

Resumo


O botulismo é uma enfermidade que está relacionada ao consumo de alimentos deteriorados ou contaminados com  neurotoxinas  produzidas pela bactéria Clostridium Botulinum, sendo os tipos C e D as mais comuns na espécie canina . A toxina inibe a liberação de acetilcolina, resultando em paralisia flácida e paralisia espástica, respectivamente. É uma doença de difícil diagnóstico e confirmação, pois muitos casos não são relatados. Além dos cães, outras espécies podem ser atingidas, assim como o homem. O presente trabalho tem como finalidade relatar dois casos de botulismo, além de descrever sua etiologia, diagnóstico, tratamento e formas de prevenção.


Palavras-chave


Botulismo; Cães; Clostridium botulinum; Neurotoxina

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, S.F.; NOGUEIRA, R.M. Manual de toxicologia veterinária.1.ed. São Paulo: Roca, 2011. cap 10, p. 202.

CRIVELLENTI, S.B.; CRIVELLENTI, L.Z. Casos de rotina em medicina veterinária de pequenos animais. 2.ed. São Paulo: Medvet, 2015.cap 4, p. 150

JABAKI, Miyoko. Diagnóstico laboratorial de botulismo. Disponível em: Acesso em: 26 set. 2018, 18:30:30.

KASPER, D.L., et. al. Harrison medicina interna. 18. Ed. Rio de janeiro: Mcgraw-Hill, 2007. cap 141, p. 355-358

QUINN, P.J., et. al. Gênero Clostridium.In:_____. Microbiologia veterinária e doenças infecciosas. Porto Alegre: Artmed, 2005. cap. 16, p. 94-98

SPINOSA, H.S.; GORNIAK, S.L.; NETO, J.P. Toxinas produzidas por microorganismos. In:_____. Toxicologia aplicada a medicina veterinária. 1.ed. São Paulo: Manole, 2008. cap. 21, p. 592-597

TAYLOR, S.M. Doença dos nervos periféricos e da junção neuromuscular. In: NELSON R.W.; COUTO, C.G. Medicina interna de pequenos animais. 4.ed. Rio de janeiro: Elsevier, 2010. cap. 71, p. 110

TORTORA, G.J.;FUNKE, B.R.;CASE, C.L. Doenças microbianas do sistema nervoso. In:____. Microbiologia. 6.ed. Porto Alegre: Artmed, 2003. cap. 22, p. 585-587


Apontamentos

  • Não há apontamentos.