INOCULAÇÃO, BIOATIVAÇÃO E ADUBAÇÃO NITROGENADA EM COBERTURA PARA MILHO SEGUNDA SAFRA: DESENVOLVIMENTO E PRODUTIVIDADE

Paulo Sérgio Cordeiro Junior, Guilherme Xavier Lúcio dos Santos, Angela Cristina Bieras Fecchi, Ivana Marino Bárbaro-Torneli, Alessandra Neves Correia, Everton Luis Finoto, Sérgio Doná, Fernando Takayuki Nakayama

Resumo


O milho apresenta grande demanda de nitrogênio, sendo interessante a busca de alternativas de maior sustentabilidade econômica e ambiental. O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da aplicação de inoculante para gramíneas, em combinação com um bioativador de plantas, na presença e ausência do nitrogênio em cobertura, nos parâmetros agronômicos de desenvolvimento e na produtividade do milho segunda safra. O experimento foi conduzido na APTA Regional, Polo Centro Norte, em Pindorama, SP. O experimento foi implantado seguindo esquema fatorial completo 4 x 2, sendo considerado como primeiro fator as diferentes condições de tratamentos de semente: ausência de inoculante e bioativador (controle-T1); apenas inoculante a base de Azospirillum brasilense (T2); apenas bioativador (T3); combinação entre inoculante A. brasilense e bioativador (T4) e como segundo fator: a presença e ausência de adubação nitrogenada em cobertura. Estes tratamentos foram distribuídos seguindo delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições. Foram realizadas leituras correspondentes ao teor de clorofila na folha, indicando a saúde das plantas em virtude dos tratamentos submetidos. Para determinação do desenvolvimento das plantas, realizou-se medições de altura da planta e de inserção de espiga, diâmetro (a e b) e comprimento do entre nó logo abaixo espiga. Na sequência foi determinado o número de fileira de grãos e número de grãos na fileira, peso de 100 grãos e a produtividade. Como resultados, destacou-se a combinação de inoculante A. brasilense e bioativador nas sementes, obtendo maiores resultados tanto no crescimento/desenvolvimento da planta quanto na produtividade, sobretudo na presença de nitrogênio em cobertura.

Palavras-chave


Azospirillum brasilense; Plant bioactivator; Safflowed maize.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/1982.2278.3624