IMFLUÊNCIA DE REVESTIMENTO COMESTIVEIS EM TOMATES ‘DEBORA’ ARMAZENADOS A TEMPERATURA AMBIENTE

fabio aparecido de castro alves, maria amalia brunini, luis antonio de oliveira

Resumo


O objetivo deste estudo foi o de avaliar a influência da aplicação de revestimento, à base de extrato de alho e extrato de própolis, na qualidade e prolongamento da vida útil, em tomates ‘Debora’ armazenados a temperatura ambiente (19-25ºC, com 47,7 a 66,48% UR). Os parâmetros avaliados, a cada três dias, foram perda de massa fresca, aparência externa do fruto integro, acidez titulavel, sólidos solúveis, pH e índice de maturação. Através dos resultados obtidos pode-se concluir que, os tratamentos não interferiam na vida útil, com exceção do uso de própolis a 4%, mas sim na perda de massa fresca e nos teores de acidez, sólidos solúvel.  No geral, pode se verificar que, os teores de sólidos solúveis foram alterados, a acidez diminuiu e não ocorreu diferença na vida útil dos tomates, em função dos tratamentos.

Palavras-chave


Revestimento não convencionais. Lycopersicon esculentum Mill. Qualidade. Vida útil.

Texto completo:

PDF

Referências


AOAC. Official methods of analysis of the associantion of official Amalysual chemistry. Washigton: AOAC, 2012.

BRUNINI, M. A; CARDOSO, S. S. Qualidade de pitaias de polpa branca armazenadas em diferentes temperaturas. Revista Caatinga, Mossoró, v.24, n.3, p.78-84, jul.-set. 2011.

CERQUEIRA, T. S.; JACOMINO, A. P.; SASAKI, F. F.; ALEONI, A. C. A. Recobrimento de goiabas com filmes proteicos e quitosana. Bragantia, Campinas, v. 70, n. 1, p. 216-221, jan./abri. 2011.

IAL-INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Normas analíticas: método químico e físico para analise de alimentos.4.ed. São Paulo: IAL, 2008. 1020 p.(online)

MENEZES, V. R. P.; SANTOS, C. de S. S.; OLIVEIRA, O. M.; SANCHES, A. G.; CORDEIRO, C. A. M.; OLIVEIRA, A. R. G. Influência dos revestimentos comestíveis na preservação da qualidade pós-colheita de tomate de mesa. Colloquium Agrarie, v.13, n. 3, p. 14-28, Set-Dez. 2007.

OLIVEIRA, M. A.; CEREDA, M. P. efeito de película de mandioca na conservação de goiabas. Braz. G. Foof Technolo, Campinas, v. 21, m.2, p. 97-102, 1999.

OLIVEIRA, M. A.; CEREDA, M. P. pós-colheita de pêssegos (Prunus pérsica L. Bastsch) revestidos com filmes a base de amido com alternativo a cera comercial. Cien. Tecnol. Alim. Campinas, v.23, supl., p.28-33, 2003.

RINALDI, M.M.; SANDRI, D.; OLIVEIRA, B.N.; SALES, R. N.; AMARAL, R. D. A. Avaliação da vida útil e de embalagens para tomates de mesa em diferentes condições de armazenamentos. B.CEPPA. Curitiba, v. 29, n 2, p. 305-316, Jul./Dez 2011.

SANTOS, A. E. O, ASSIS, V. S.; BERERT, P. A.; SANTOS, O. O; BATISTA, F. P.; GRAVINA, G. S. Influência de biofilmes de fécula de mandioca e amido de milho na qualidade pós-colheita de mangas Tommy Atklins. Revista Brasileira de Ciência Agrárias, V.6, m.3, p. 508-513, 2011.

TONON, R.V.; BORONI, A. F.; HUBINGER, M. D. Estudo da desidratação osmótica de tomate em soluções ternarias pela metodologia de superfície de resposta Ciên. Tecnol. Alim.

Campinas, v. 26, n. 3, p. 715-723,2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.